2.19.2008

1
uma dissertação que bem podia ser minha mas não é: minas e armadilhas

Ora encontrei um blog de alguém meu semelhante! Estava a lê-lo e a pensar que bem podia ter sido eu a pensar naquele assunto! E como tenho que dar a mão à palmatória cá fica um excerto de um post que não é meu mas que de tão estupidamente inteligente que é bem podia ser, sobre o facto de a polícia rebentar as mochilas perdidas com aspecto suspeito :P
(o resto e mais em http://radioactivos.blogspot.com/)

"(...)
1. As mochilas não têm "aspecto suspeito". São objectos, logo, sem aspecto. Aspecto suspeito tem o Avô Cantigas, e a esse nunca ninguém rebentou não sei porquê.

2. Se o objecto, neste caso uma mochila, fosse uma bomba, rebentar com ele não provocaria ainda mais danos? Eu pensava que os explosivos, quando expostos a algo - digamos, que rebente - rebentavam ainda mais, e a explosão daí resultante seria maior.

...não estará na altura de as brigadas de minas e armadilhas reverem o conceito de "trabalho bem feito"?Não é por mim. É porque eu estou a ver que no dia em que explodirem com um objecto que seja de facto uma bomba, a devastação será ainda maior do que aquela causada caso esse objecto explodisse por si só.

Isto é só uma ideia. Ou então é parvoíce, porque eu não percebo nada de explosivos. O mais explosivo que tive na mão foi uma bombinha chinesa, por alturas do carnaval de mil-nove-noventa-e-seis....e não estava acesa.


Sempre que ouço a expressão "brigada de minas e armadilhas" penso numa pandilha de seres humanos que anda assim muito juntinha e que tem como actividade principal jogar Minesweeper."

posted by david

1 Pessoa leu e ainda comentou!

Anónimo disse...

Bem???... Coitadas das criancitas que comem Chocapic... E puff!

Taditas...

E até já aquelas que levam as barrinhas pa escola na mochila... Medoooooooooooo...

(Elsita xD)