4.30.2008

10
E o prémio para melhor praxe da temporada vai para…

A minha pessoa.

(melhor ou, pelo menos, mais hilariante)

E para o grande rolo de papel higiénico “gentilmente cedido” (vá, talvez não tenha sido propriamente “cedido”…) no departamento das matemáticas (capas grandes dao jeito para...trazer rolos "gentilmente cedidos" das matematicas... mesmo que a sra no-lo tenha tirado uma vez... ahah ganhei, toma toma toma.).


Basicamente, o enquadramento da praxe resumia-se a:

· um rolo de papel higiénico grande, dos das casas de banho publicas;
· eu a segurá-lo no cimo das escadas monumentais;
· dois caloiros 100 degraus/3 patamares abaixo (podiam ter sido os 125…);
· duas caloiras, cada uma de seu lado em relação à minha ilustre pessoa;
· uma caloira estafeta para segurar o papel a meio caminho porque tava vento e antes que ele se rasgasse

E…

“CÁ VAI ROLO!!!”


Ora bem:
Eu segurava na ponta e largava o rolo a rebolar pelas monumentais abaixo.
As caloiras que estavam ao meu lado iam a correr escada abaixo a tentar acompanhar o rolo.
Os caloiros lá de baixo esperavam pelo rolo.
Agarraram-no.
E a função deles os 4 depois era… vir a enrolar o rolo escadaria acima direitinho outra vez. E a caloira estafeta (lol) estava no meio do caminho a segurar o papel para não se rasgar.

E toda a gente se ria.

Até começarem a cantar.



Ainda dizem que a praxe é violenta… Bolas, isto é tipo praxe_jogos_sem_fronteiras! É divertido! Foi mesmo hilariante. Tentem imaginar 2 almas a correr escada abaixo atrás de um rolo de papel higiénico, e depois 4 almas a subir rapidamente as monumentais a enrolar um rolo de papel outra vez e, conforme as minhas indicações (e da Elsa, mas ela nao era exactamente assim que dizia..eheheh), DIREITINHO QUE AINDA VOS VAI SER PRECISO!



E a outra carrada de praxes que dá para fazer com um rolo daqueles… Papel higiénico nunca matou ninguém…

Ai a praxe… (mas andaram a limpar as monumentais com o papel higiénico… e divertiram os ingleses turistas… muito serviço cívico…)

Doravante, esta (e suas variantes):
Real Praxe do Papel Higiénico.
Pela Dra. Red.



“Só visto”. Mas… naaaa... não posso cá meter o vídeo… :P

10 Pessoas leram e ainda comentaram!

JP disse...

E os(as) caloirinhos(as) senhor...! Quem lhes acode... tadinhos!!!

Morena disse...

também os podias ter obrigado a gritar..."vai-me limpar o rabo com isto"...p nao ser mais violenta (o teu blog é puro)...ah caloiros d'um raio...

Red disse...

"e eu e que sou ruim?!!!!"

loool

Morena disse...

ruim era se dissesse "vai-me limpar o cu todo borrado"...eu tentei nao dizer.mas é mais forte que eu.nao resisto a provocaçoes.

david disse...

Olha, essa nunca tinha visto! Eu sou o pior a inventar praxes, por isso deixo isso para os meus colegas. Gramei da ideia. Proporei à comissão de praxe! A semana académica de Lx está aí à porta!

Red disse...

infames...difamadores... quem vem ao cha dançante e o herman, ahahahah!!!!


(tomem la, quem gozou comigo por ser a agata. agata bah. herman rocks.)

shiuuuu disse...

Obrigado pelo comentário lá no Shiuuuu...
... continua a aparecer que gostamos de te sentir por lá.

My World disse...

:D

ai deve ter sido brutal :s
e eu k n fui :(

bolas tinha k ter aulas akela hra? :(

Dra rede vamos fazer uma sessao de praxa as 2? as escondidas

*********

estrela do ar disse...

Não foram pôr o rolo no sítio adequado de novo, pois não?

Nuno T disse...

Giro giro era quando chegassem cá acima com o rolo enrolado, tivessem que o enrolar outra vez, porque havia uma ligeira falha a meio!
Ou então, quando ele estava todo esticado (o rolo, claro está), medir o seu comprimento (do rolo, óbvio) com um fósforo!

bjs*