7.28.2009

1
À terceira é de vez: Oooolh’a tentativa de post/testamento fofinho!!!

(ou “ai o que uma pessoa não faz por um prémio personalizado…”)


A minha pessoa também sabe ser fofa. A minha pessoa inclusive até tem um blog lamechas. A minha pessoa apenas não aprecia dar a conhecer esse seu lado cutchi-cutchi, sobretudo porque pensar que tem um lado cutchi-cutchi proporciona-lhe todo um arranque de vómito (ou uma má-dispodição semelhante à que sofre quando vê os queridos bebezinhos a babarem-se todos (quais bassets ou s. bernardos) e é toda uma salivária a encharcar-lhes os babetes cheios de comida e ranho e afins).
Assim como assim, a fofura da minha excelentíssima pessoa ocorre mais no sentido de cuspir patas de escaravelho em forma de coração. Têm muito mais a ver comigo, estas demonstrações de ternura, pois que os coleópteros são bichos da minha ordem (piada biologicamente inteligente).
Mas eis que, vá, a minha pessoa tem o seu quê de lamechas, qual alter-ego maléfico a atormentar-lhe as entranhas. A minha pessoa (foi a minha pessoa, não fui eu!) até soltou meia lagrimita (só meia) quando o Marley morreu, no final do filme!! (spoilei? Wops…)

Pois então, já que a minha pessoa possui um alter-ego maléfico/lamechas, qual a melhor forma de elaborar um post cutchi-cutchi-MEDO? Toca de ouvir Os Azeitonas e o seu “anda comigo ver os aviões” (bela musicália, sim senhores), e eis o que resulta desta deprimência (não depressão) toda:



A minha pessoa, apesar de frígida e sem sentimentos, também quer alguém que lhe diga “anda comigo ver os aviões”. A minha pessoa quer alguém que lhe diga ‘anda comigo ver os aviões, nem que seja ali ao aeródromo da Lousã ver os Canader levantar voo para ir acorrer a um qualquer incêndio cá da zona’. A minha pessoa é romélica sim; apenas não diz a ninguém. Mas, se a minha pessoa não quer dizer, digo eu que sou chiba e não sou de vergonhas.

A minha pessoa atura o seu querido apêndice advogado-estagiário/ladrão-convicto/religiosamente-lampião há uns anitos já. Tantos que até dá vontade de partir pinhas com a testa. Tantos que é mesmo de expôr o crânio. Ainda assim, o apêndice-mestre ainda não teve a brilhante ideia de dizer à minha pessoa “anda comigo ver os aviões, nem que seja na relva do urso do parque a olhar para o céu de Coimbra com avião da publicidade da Expofacic a sobrevoá-lo anunciando os gloriosos dias do certame”. E a minha pessoa sente falta de uma odisseia dessas. Mais romélico só mesmo eu e tu, tu e eu, nós os dois, a fugir desenfreadamente de um louco rato coxo. Ou a desfazer chuquelhas com um pente de pregos. Isso sim. Ainda não tivemos oportunidade, mas é algo que anseio perdidamente.

A minha pessoa gosta destas coisas romélicas de “anda comigo fotografar os aviões de forma a que pareça que eles vão contra os prédios, qual 11 de Setembro português”. Gosta sim. A minha pessoa possui uma alma gémea, que sou eu, e encontrou no seu apêndice companhia para estas romelices não pegajosas. A minha pessoa é toda "ai meu querido mostrengo". O meu apêndice é todo "tu és a ruindade em pessoa" ou "sentes as veias a engrossar?" (quando eu como algo rico em colesterol). Tudo de amor para cima. Por isso já ficam avisados: se um dia eu desaparecer do mapa, já sabem que nozes dois fugimos juntos para a conchichina, com direito a "anda comigo ver os aviões" e coisas fofas dessas. A minha pessoa é uma pessoa feliz. E eu vou tentando.

"You know that I could use somebody... Someone like you."

...

Eu até continuava nesta fofura toda, mas eis que se me chegam ameaças dos meus queridos 3 leitores e meio, que “se não te calas faço do teu dedo mindinho carne picada” e coisas fofas dessas e pronto, é melhor parar por aqui, que o dito cujo faz-me falta.



Então, ganhei o prémio…?
Mesmo que não, o número de visitas aqui aO Blog já aumentou cerca de 372% com
a vossa referência, queridas Damas. E vocês já me obrigaram a escrever 2 posts e 1 testamento. E tiveram o trabalho de personalizar um desenhinho fofo aqui para a je xD

P.S.: afinal sempre foi o apêndice o eleito para o post cutchi-cutchi. Tadinho, ninguém merece.

1 Pessoa leu e ainda comentou!

LP disse...

Nem sei o que diga. Quando souber, venho cá comentar!!

Wou, a Red fofinha!! =)