8.31.2010

2
Sei que é O amor quando...


... o apêndice pesquisa "lontra" em vários idiomas. Sinto-me tão mais culta agora.
Isso ou ele está a aproveitar para me insultar discretamente.



(O apêndice é o Eládio Clímaco. Tenho dito.)

8.28.2010

4
Voltei voltei, voltei de lá


Ainda agora estava mau tempo na Tocha e agora já está bom lá. Raios partam o karma.

Depois de uma semana na praia em que só pus os pés na areia três tardes (shame on you, S. Pedro), eis que chega o momento de me arrastar entre a cama e o sofá, com curtas passagens pela casa-de-banho e pela cozinha, em todo um fim-de-semana cheio de actividades (televisivas, claro). Se eu podia não ser tão lontra? Podia, mas não era a mesma coisa. Um colesterol como o meu não se mantém a correr por aí, não. E o meu sofá tem qualquer coisa irresistível, não tenho culpa, é mais forte do que eu.


(Buááááá eu não quero ter exames :,( devia ser proibido ter exames em Setembro. Ao menos são todos depois das 10h... Ninguém aguenta...)

8.20.2010

2
Das férias (ou do que resta delas):



Se eu podia...

ir para uma praia paradisíaca de areia muito branca e água muito azul, para uma pousada numa serra relaxante, para uma casa de xisto ao lado de uma catarata, para um spa suspenso em cima de água, para uma cidade agitada cheia de coisas para ver, para um safari pelas savanas africanas, para um hotel 5 estrelas daqueles em que nem é preciso sair do hotel, para a costa marítima nacional e dos arredores a bordo de um iate, para um cruzeiro nas Bahamas, para uma rede em palmeiras nas Maldivas, para as florestas da Tailândia, para uma ilha tropical no meio do Pacífico, para a Polinésia Francesa!, para um inter-rail pela Europa, para vários países em couch-surfing, para o Disneyland Resort Paris, para o Hawai com uma indumentária de palha e cocos danças o hula ou para uma universidade de verão americana cultivar-me...?

Podia, mas
a) não era a mesma coisa
b) depois quem é que ia p'ra Tocha?!!


(Dear gatunos, beware: vou andar pela praia à procura dos calções do apêndice e da toalha com dálmatas que me roubaram há dois anos do estendal. Escondam-nos bem, que eu vou atrás. E mordo.)



Só como miminho pré-férias (sou uma mãos largas quando estou de mochila aviada) apresento-vos, em primeiríssima mão! (ou pata), o apêndice e a minha pessoa. Digam lá que não somos almas gémeas?




FUI!

8.14.2010

2
Red avista Perseidas


_ Hoje é noite de chuva de estrelas!
_ Onde?
[...!]
_ No céu, né mãe...
_ Mas nem há estrelas hoje!
_ Sabes, como vão cair todas...

Vantagens de ver chuvas de estrelas deitada em cima do capot do carro:
a) Não se ganha um torcicolo, que o céu sempre fica mais pararelinho.
b) Limpa-se o capot. E, com sorte, o pára-brisas.

8.13.2010

3
Diário da Volta a Portugal 2010 em Miranda City:


Olha vêm ali!!!!
Olha já foram...



Obviamente que, sabendo estarem a chegar a tão nobre localidade, deviam ter abrandado por respeito à minha pessoa, deixando-me chegar antecipadamente ao meu local estratégico. Nem estratégico nem meio estratégico! Mas também, é certo, vá, quando a organização previu os horários para a passagem em cada localidade estava a contar com uma velocidade média que tivesse em conta o grande esforço de subir à Torre na etapa anterior. Visto que a etapa da Torre este ano foi para meninos, os senhores ciclistas não se cansaram e hoje lá deram ao pedal, chegando aqui (que nem meio da etapa era) quase vinte minutos adiantados e com 10km/h a mais. Excusado será dizer que já não apanhei grande coisa. Vá lá, ainda vi o pelotão e o camisola amarela (Cândido nem vê-lo, mas isso já se torna frequente nas etapas da Volta...)... e o grande carro vassoura!

8.10.2010

1
6ª feira passa por aqui:



Vamos sonhar
Correr o mundo nesta nave a pedal
E ao segundo conquistar Portugal
Mas chegar ao final já é vencer
Queres brilhar
Ser o herói de cada meta a cortar
Veste a amarela, ergue os braços no ar
P’ra mostrar está na Volta a RTPêêêêê


Sim, habitualmente ando a assobiar isto desde Julho, enquanto espero ad aeternum que
a) o Cândido Barbosa ganhe nem que seja só uma voltinha e
b) haja uma meta aqui p'ra estas bandas.

8.05.2010

0
Gosto de Pessoa(s às vezes)


2
É porque é mesmo bom, raios.

8.02.2010

4
PÁRA TUDO, PÁRA TUDO, PÁRA TUDOOO!!

Será um pássaro? Será um avião? Será o Super-Homem? Naaa, é só um novo submarino.




E pronto, era só isto. Acho que é idiota que chegue.

Aaah, desculpem, eu é que não compreendo a profundidade - 20 mil léguas submarinas, no mínimo - da ameaça terrorista subaquática. Hum... será que o capitão do Tridente também se vai chamar Nemo...? Nada como ver um pacote de pastilhas a ser comandado por um peixe-palhaço. Acho que peixe-palhaço é a escolha adequada para comandar um investimento destes. Se pensar melhor concerteza lembrar-me-ei de algum caranguejo-gigante-pirata-com-mau-feitio que é absolutamente necessário combater antes que desate a trilhar pés por esse Portugal fora.


(Fora a idiotice, os submarinos são fixes. Valha-nos isso. E até parece que estamos num filme do 007 em que o Pierce Brosnan tem de se livrar de uma qualquer ameaça russa e onde é que eu já vi isto. Mas acho que o melhor contributo dos submarinos vai mesmo ser a logorreia de idiotice - como este preciso post exemplifica - que se vai ler por este país fora. Haja algo que contribua para o imaginário colectivo.)

8.01.2010

3
♫ Tan tantan taaan... ♪


They're back.

Há praí 2 meses e muito - quando trouxe as vuvuzelas do Porto para comemorar o campeonato do Benfica em plena Queima da irmã - O Sócio chegou-me a casa com um grande ♫ "TAN TANTAN TAAAAAN... TAN TAN TAAAAAN.... TANANANANANAN... TANANANANA...". Desde então foi a loucura a assobiarmos isto em todo o lado. Ora pois que estou mortinha p'ra ver pelos dois. Fica só o arranjo espectacular do mesmo homem que fez o main theme do Forrest Gump, enquanto vou ali ver o Inception e já venho (para o despachar da lista must see e poder ir ver estes meninos).


Adenda: E o Inception é tããão fixe.