3.19.2012

2
Do dia do pai: quem pode compra, quem não pode...



(manda) faz(er):



O meu pai queria uma canon, ora já lá tem uma destas.
Por estas mãos.

(P.S.: O origami transcende-me. Até um avião bem feito - e por bem feito entenda-se um que não vá logo de bico ao chão - exige ciência, quanto mais. Uma vez tentei fazer o cisnezinho do Prison Break. Com instruções e tudo. Ali entre o dobrado e amassado, acho que nunca passou de uma bola de papel com uma penca espetada. O mais próximo de origami que consigo - ou conseguia, vá - fazer deve ser o mítico "quantos-queres". E aviões. Desde que não exijam mais do que três ou quatro dobras. Portanto vejo esta maquineta - ou um espectacular vaso com uma orquídea em papel também - e fico ali, siderada, a olhar e a pensar como raio é que aquela porra é feita só com uma folha. Uma única folha dobrada. É tipo magia!)

2 Pessoas leram e ainda comentaram!

JP disse...

Gosto da maquineta nova!
Gosto porque é perfeita;)
Gosto porque é nossa:)
Gosto porque gosto!
E pronto! Gosto... porque gosto muito!
jinhos...

Red disse...

também que remédio tens tu :P